A VIOLÊNCIA ESTRUTURAL DOS CONFLITOS PÓS-COLONIALISTAS DESCONSIDERADA PELOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO DE MASSA: REFUGIADOS Á DERIVA NO MAR EUROPEU/ THE STRUCTURAL VIOLENCE OF POST-COLONIAL CONFLICTS IGNORED BY THE MASS MEDIA: REFUGEES ADRIFT IN EUROPEAN SEA

Debora Regina Pastana

Resumo


O problema desta reflexão é o tratamento midiático dado ao aumento de refugiados oriundos dos conflitos pós-colonialistas em países como Líbia e Síria. Nesses países tensões oriundas dos novos arranjos de poder decorrentes do processo de descolonização produzem, por razões de sobrevivência, uma recente e dolorosa diáspora. Contudo, a informação desse tipo deslocamento forçado é muitas vezes revestido de caráter humanitário e associado a temas como pobreza, segurança nacional e diplomacia, desconsiderando seu caráter político.

 

Palavras-chave


Direitos Humanos, violência estrutural, pós-colonialismo, democracia.

Texto completo:

288-307

Apontamentos

  • Não há apontamentos.